PIRUÇAS

Dezembro 01 2008

O dia 1 de Dezembro é para muitos apenas mais um feriado, mas não para os habitantes de Santo Aleixo da Restauração, no concelho de Moura, que desde as gloriosas batalhas de 6 de Outubro de 1641, 12 de Agosto de 1644 e 31 de Maio de 1704 relembram festivamente o dia em que se comemora a definitiva independência de Portugal, após seis décadas de invasão espanhola. 

 

A 1 de Dezembro de 1640, um grupo de 40 fidalgos dirigiu-se ao Paço da Ribeira onde estavam a Duquesa de Mântua, regente de Portugal, e o seu Secretário, Miguel de Vasconcelos. A Duquesa foi presa e o Secretário morto. Portugal recupera então a independência sendo D. João IV, Duque de Bragança, aclamado rei com o cognome de "O Restaurador".

 

Na sequência deste episódio os castelhanos procuram por várias vezes invadir Portugal. As terras fronteiriças eram as primeiras a serem massacradas. Santo Aleixo da Restauração, pela sua privilegiada localização raiana e como aldeia próspera, foi muitas vezes alvo dos ataques castelhanos durante as guerras que ficaram conhecidas por Restauração e Sucessão. Mas a garra e determinação do povo surpreendeu sempre os espanhóis pese o facto de os portugueses estarem em menor número e em muitos casos serem apenas simples agricultores.

 

Hoje, o povo de Santo Aleixo tirará os chapéus e ficará em silêncio quando, pelas 10 horas, soar o hino da Restauração, tocado pela Banda do Exército da Região Militar do Sul. Seguir-se-ão os discursos e a apresentação dos grupos de alunos das escolas de Santo Aleixo, o coral feminino "As Papoilas" e o Grupo Coral da Casa do Povo, o Coral da Guarda Nacional Republicana de Beja e a Banda Filarmónica de Amareleja.

 

publicado por poleao às 11:29

TÃO LONGE DO MUNDO E TÃO PERTO DE TUDO
mais sobre mim
Dezembro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
11
12
13

14
15
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
31


pesquisar
 
blogs SAPO