PIRUÇAS

Julho 09 2008

 

 

Há 22 anos que saiu a 1ª edição deste livrinho, então bem útil a todo o pessoal da Guarda. Depois saíram mais duas, ou três, edições, a última das quais em 1984, salvo erro. Recordo, com saudade, o entusiasmo com que trabalhámos, dias e dias, depois das horas de serviço, para levarmos a bom porto a nossa "obra".

Hoje, ao evocar a data, presto, mais uma vez, a minha homenagem ao então Capitão Quirino Rosa, falecido em Dezembro de 2002, no posto de Coronel.

 

Se é verdade que recordar é viver, acabo de ganhar, certamente, mais algum tempo de vida.

 

publicado por poleao às 19:13

Lembro-me dele muito bem. Era fácil de transportar e de consultar e estava muito actualizado. Só que a ecatombe legislativa que se seguiu depressa o transformou num instrumento obsoleto. E não foi apenas no âmbito rodoviário. Foi em tudo. Acho que até os próprios legisladores se perderam na teia que criaram...
Acredito que deve ter sido um trabalho bastante penoso até porque não dispunhamos da tecnologia informática como agora.
Mas é bom recordar!
Eira-Velha a 10 de Julho de 2008 às 11:30

TÃO LONGE DO MUNDO E TÃO PERTO DE TUDO
mais sobre mim
Julho 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11

13
15
16
17
18
19

21
22
23
24
25

27
28
31


pesquisar
 
blogs SAPO