PIRUÇAS

Janeiro 18 2007

Li, há poucos dias, nos jornais, que o governo determinou, para execução imediata -através de  um decreto, ou de uma portaria- que os pescadores de cana e minhoca, que passam o tempo e se divertem nas praias e rochas da nossa costa, são agora obrigados a levar consigo (isto é, com eles), além da cana e das minhocas, um metro, uma balança e uma licença para essa arte, passada pela UE e, de preferência , assinada pelo Zé Manel .

Porquê o metro e porquê a balança?

O metro para medir a distância a que cada um fica do outro -não deve ser inferior a 10 Metros e não pode ser avaliada a olhómetro , sob pena de pesada multa.

A balança para pesar o pescado, que não pode ir além de determinado valor. O infractor desta norma perde o peixe pescado em excesso a favor da segurança social, ou lá do que seja.

O meu tio Anacleto, sempre atento, venerando e obrigado a estas regras sociais, indispensáveis à boa convivência europeia, atirou-me este comentário:

Só falta castigar com umas horas de trabalho para a comunidade o pescador que, no meio da faina, der um valente traque e, em consequência disso, provocar a dispersão dos peixinhos, prestes a ir à minhoca.

Digo eu que não será tanto assim mas, em boa verdade, qualquer dia, a gente, até para estar à janela de casa,  vai precisar de uma credencial passada pelo presidente da junta, revista pelo presidente da câmara, aprovada pelo ministro da tutela e autenticada com o selo branco do Zé Manel .

 

 

publicado por poleao às 15:35

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



TÃO LONGE DO MUNDO E TÃO PERTO DE TUDO
mais sobre mim
Janeiro 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
12
13

17
19
20

25
26

28
29
30
31


pesquisar
 
subscrever feeds
blogs SAPO