PIRUÇAS

Maio 28 2005

O dr Cadilhe lá encontrou o buraco para enfiar a sua farpa. Com a coragem própria dos "valentes", atingiu a sobranceria presidencial do prof Cavaco, responsabilizando-o por um dos piores males do defice das contas públicas: as promoções automáticas na "função pública".


De duas, uma: ou o dr Cadilhe não quer perder o tacho, mantendo-se numa flutuação estável, ou pretende um estatuto melhor, a exemplo do euromilhões que saiu ao prof Freitas.


É que não basta dizer mal, apressadamente, do passado, como outros já fizeram, sem grandes lucros.


O mais importante é escolher o momento certo para farpear as coisas que ficaram para trás. E esta escolha não está ao alcance de qualquer um.

publicado por poleao às 20:00

TÃO LONGE DO MUNDO E TÃO PERTO DE TUDO
mais sobre mim
Maio 2005
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
12
13
14

16
17
19

22
24
27



pesquisar
 
subscrever feeds
blogs SAPO