PIRUÇAS

Julho 07 2004

linhas de Torres Vedras.jpg O Sobral apenas aparece envolvido nas Invasões Francesas a partir da derrota e fuga, em Maio de 1809, na batalha do Douro, do marechal Soult. É então que o general britânico Arthur Wellesley (Duque de Wellington) decide defender Lisboa com um novo dispositivo que permitisse a retirada, por mar, do seu exército, no caso de nova invasão dos franceses. O ponto de retirada ficou estabelecido em S.Julião da Barra (Oeiras) e a defesa da capital seria garantida pelas chamadas LINHAS DE TORRES VEDRAS, considerado o mais eficiente sistema de fortificações de campo da História Militar. Este sistema defensivo, como se vê na imagem, consistia numa tripla linha de redutos de alvenaria, que reforçavam os obstáculos naturais do terreno, formando uma barreira delimitada pelo oceano e pelo rio Tejo.


A primeira linha tinha uma extensão de 46 Km e ligava Alhandra à foz do rio Sizandro (Torres Vedras). É desta primeira linha que faz parte o FORTE  DO ALQUEIDÃO ou Monte Agraço, o segundo em importância, logo a seguir ao  de S.Vicente, em Torres Vedras. Voltarei a ele, mais tarde. Até lá, ficou-me, por agora e mais uma vez, o grande prazer de falar da minha terra e das suas notabilidades.

publicado por poleao às 17:13

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



TÃO LONGE DO MUNDO E TÃO PERTO DE TUDO
mais sobre mim
Julho 2004
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
15
16
17

18
19
21
23
24

25
26
27
28
29
30
31


pesquisar
 
subscrever feeds
blogs SAPO