PIRUÇAS

Outubro 21 2005

O meu tio Anacleto, sempre muito atento, na sua longínqua aldeia beirã, às modernidades que por aí andam, ofereceu-se para ser meu "porta-voz".


Agradeci, mas não aceitei.


Falarei sempre por mim, "até que a voz me doa".

publicado por poleao às 17:05

TÃO LONGE DO MUNDO E TÃO PERTO DE TUDO
mais sobre mim
Outubro 2005
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
11
12
14
15

16
17
18
19

25
28
29

30
31


pesquisar
 
blogs SAPO