PIRUÇAS

Janeiro 11 2006

Portugal na banca-rota





«O ministro das Finanças afirmou ontem que daqui a 10 anos o Estado não terá dinheiro para pagar reformas». Um político que diz isto, espalhando o pânico entre os trabalhadores votantes, é um inábil. Um Ministro que diz isto, lançando a desconfiança sobre o Governo a que pertence, devia ser demitido. Um Ministro das Finanças que assim se revela tão superficial, é um irresponsável. E, no entanto, tudo sucede porque o autor da proeza resolveu alinhar na facilidade de ir à TV alinhar naqueles debates em que nada se esclarece. Entre bocas e apartes saíu-lhe esta. Agora venha explicar que a verdade é mais complexa e que não é bem assim. Está feito o mal!

 

Acabo de ler este post no "a revolta das palavras".

 

A minha "bota" anterior diz bem com esta "perdigota".
publicado por poleao às 15:50

TÃO LONGE DO MUNDO E TÃO PERTO DE TUDO
mais sobre mim
Janeiro 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
12
13
14

17
18
20
21

22
23
24
26
27

29
30
31


pesquisar
 
blogs SAPO